Parque Aquático Maria Lenk

Sobre o Projeto

Parque Aquático Maria Lenk

 

O Parque Aquático Maria Lenk foi projetado para os Jogos PanAmericanos de 2007, atendendo as normas e especificações determinadas pela FINA, CBDA e Estatuto do Torcedor, sendo composto por um conjunto de piscina olímpica, tanque de saltos ornamentais e piscina de aquecimento.

O equipamento foi dimensionado para receber um público de aproximadamente 7000 espectadores e foi desenvolvido em 4 pavimentos, que são atendidos por rampas e 7 elevadores , projetados para dar total acessibilidade e possibilidade de esvaziar o equipamento em até 10 minutos.

– As arquibancadas são distribuídas em 2 níveis, o nível térreo é destinado aos equipamentos  e o nível superior  área operacional de competição.

– A piscina olímpica com as dimensões: 25  x 50 x 3m, pode receber provas de natação, nado sincronizado e water polo.

– O tanque de saltos ornamentais tem 25 x 30 x 5/3.80m, e a piscina de aquecimento tem 50 x 25 x 3m.

– As arquibancadas são cobertas com telhado metálico com isolamento térmico.-

– As piscinas foram projetadas com aquecimento, sonorização subaquática, compressores para o sistema de “air blower” para o tanque de saltos e outros detalhes já utilizados no complexo Aquático das Olímpiadas de Pequim, China.

– Para os Jogos Olímpicos do Rio2016 foi projetada uma área de aquecimento (dry land) para as provas de Saltos Ornamentais e uma nova Piscina de Aquecimento.

O projeto foi feito em consórcio com os Arquitetos Carlos Porto e Paulo Casé.

 

Cliente: Consórcio Sanerio/Delta – Benge
Local: Autódromo do Rio de Janeiro – Av. Abellardo Bueno, Barra da Tijuca-RJ
Programa: Parque Aquático
Área: 42.000 m²

Categoria
Esportivo